Audi 100/A6

1990-1997 de lançamento

Reparo e operação do carro



Audi 100/A6
+1. Instrução de manutenção
+2. Manutenção
+3. Motores
+3.2. Motores diesel
+3.3. Remoção e partição de motores
+4. Esfriamento de sistema
+5. Aquecer-se e ventilação
+6. Sistema de combustível
+ 7. Sistema de escape
- 8. Sistemas de partida, ignição
   +8.1.1. Introdução
   -8.2. Sistema de ignição (motores de gasolina)
      +8.2.1.1. Princípio de trabalho de PMS
      8.2.2. Características técnicas
      8.2.3. Cheque de sistema de ignição
      8.2.4. Rolo de ignição
      8.2.5. Distribuidor de ignição
      8.2.6. Ignição esquina avançada
      8.2.7. Sensores de sistema de ignição
      8.2.8. Corredor de distribuidor de ignição
      8.2.9. Sistema de ignição (motores de 6 cilindros 2,6 e 2,8 de l)
      8.2.10. Diagnóstica de maus funcionamentos de sistema de injeção de gasolina
      8.2.11. O que deve conhecer-se ao proprietário do carro com o motor de injetor
      8.2.12. Doutor de turbo
   +8.3. Sistema de precomeçar a aquecer-se (motores diesel)
   +8.4. Sistema de produção de gases de escape
+9. Transmissão
+10. Sistema de freios
+11. Suportes de forma triangular de interrupção, dirigindo
+12. Corpo
+13. Equipamento elétrico
+14. Dicas úteis


03f74acd



8.2.9. Sistema de ignição (motores de 6 cilindros 2,6 e 2,8 de l)

INFORMAÇÃO GERAL

Estes motores não têm distribuidor de ignição. Em motores de 6 cilindros de 3 rolos duais de ignição. Os rolos duais da ignição estão em frente de uma cabeça de cilindros. Dirigem-se pela unidade de controle do sistema da injeção de gasolina via a cascata de produção da tensão que se fortalece em uma parede avançada do carro em um compartimento motor. Ao mesmo tempo um rolo dual da ignição provê da tensão de ignição um par de cilindros. Ao mesmo tempo da ignição o rolo dual faz ao mesmo tempo duas faíscas. E, dependendo de circunstâncias, um rolo dual da ignição dá a alta voltagem àquele par de cilindros nos quais os pistões ao mesmo tempo vêm a VMT.

Exemplo:

No motor de 6 cilindros uma tomada de faísca desenvolve uma faísca em um passo da compressão do cilindro 1 enquanto outra vela ao mesmo tempo desenvolve uma faísca em um passo do lançamento do cilindro 6. Só com esta finalidade "ignição única" voltagem aproximadamente 1 movimentos de kV. Por isso, não causa o uso aumentado de tomadas de faísca.

Por uma volta de um cabo de inclinação o cilindro 6 está em um passo da compressão e o cilindro 1 em um passo de lançamento. Para cilindros 2 + 4 e 3 + o 5o este processo prossegue de mesmo modo.